Álcool será restringido nos estádios durante a Copa América

O torcedor que for aos estádios assistir à Copa América 2019 terá seu consumo de bebidas alcoólicas restringido. Sem uma Lei Geral que autorize dribles na legislação, a organização do torneio terá de ceder à nova regra. “Vamos seguir as leis de cada estado”, afirmou Thiago Jannuzzi, gerente geral do Comitê Organizador Local (COL).

Assim, nas partidas que serão disputadas em Porto Alegre e São Paulo não será vendida cerveja nos estádios. Em Belo Horizonte, a lei atual permite a comercialização até o intervalo dos jogos, mas tramita na Assembleia Legislativa mineira um projeto para liberar durante toda a partida. Apenas Salvador e Rio de Janeiro não terãonenhum tipo de restrição.

Segundo Jannuzzi, o COL vai interferir o mínimo possível nos estádios da Copa América. Eles manterão suas atividades rotineiras e em maio, 30 dias antes da competição, o gramado do estádio entrará num período de preparação final para a competição. Será resguardado e avaliado periodicamente até o início do torneio. “Durante a competição, o comitê terá 100% de controle sobre os estádios nos dias de jogo e véspera de jogo. Nos demais dias, haverá um uso compartilhado”, afirmou, segundo o MSN.

Os locais de treino estão em definição, depois de uma série de visitas técnicas do COL a locais de cada cidade-sede. Os campos de treino serão nas cidades-sede. Segundo Jannuzzi, o primeiro deles, em São Paulo, estará funcionando a partir do dia 11 de junho. Pelo regulamento, cada seleção precisa chegar à sede com três dias de antecedência. “Mas vale lembrar que as seleções podem escolher qualquer local para fazer o seu período de aclimatação, antes do início da Copa América”, explicou.

Jannuzzi afirmou que o COL não tem encontrado resistência de clubes e municípios. A entidade tem trabalhado  em conjunto com as forças públicas de segurança das cinco cidades-sede e do governo federal em um plano de segurança para o torneio. “A receptividade e o desejo de participar de alguma forma da Copa América tem sido grande por parte de todos.”

Até o momento, a venda de ingressos superou 350 mil unidades, o que foi classificado como “satisfatório” por Jannuzzi. A expectativa é atrair mais de 1 milhão de torcedores. O canal oficial de venda é o portal copaamerica.com. “A tendência é de aumento da procura com a proximidade da competição. Além do Brasil, torcedores de 98 países já compraram entradas”, afirmou.

20/04/2019


Warning: A non-numeric value encountered in /home/storage/4/75/ce/reportercoitedonoia/public_html/wp-content/themes/portal2017/includes/wp_booster/td_block.php on line 1009